BB Renda Fixa Curto Prazo Supremo Setor Público FIC FI

O BB Renda Fixa Curto Prazo Supremo Setor Público é um fundo de renda fixa curto prazo, indicado para os Governos Estaduais e Municipais, suas Autarquias e Fundações que desejem liquidez e rentabilidade diárias.

Para alcançar seus objetivos, o FUNDO aplicará seus recursos em cotas de fundos de investimento que apresentem carteira composta, exclusivamente, por títulos públicos federais pré-fixados ou pós-fixados, desde que indexados e/ou sintetizados para CDI/SELIC, ou por operações compromissadas lastreadas em títulos públicos federais. Os títulos componentes da carteira deverão ter prazo máximo a decorrer de 375 (trezentos e setenta e cinco) dias e o prazo médio da carteira deverá ser inferior a 60 (sessenta) dias.

Perfil do fundo: Conservador

Público-alvo: Administração direta e indireta das esferas Federal, Estadual e Municipal, dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, incluindo as Autarquias, Institutos/Entidades Públicas, Fundações Públicas, Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista, bem como os entes que cooperam com a administração pública e/ou recebam recursos de origem pública para a manutenção ou execução de suas atividades.

Informações
Aplicação inicial 0,01
Aplicações subsequentes 0,01
Resgate 0,01
Saldo mínimo 0,01
Cota aplicação D + 00
Cota resgate D + 00
Crédito em conta corrente D + 00
Horário limite de movimentação (horário de Brasília) 23:00
Aplicação e resgate programado Sim
Opção de resgate automático Sim
Grau de risco Muito Baixo
Data de início de funcionamento 15/07/2002
Taxa de administração (a.a) 3,00%
Taxa de Saída (*) -
Taxa de Performance (*) -
Categoria ANBIMA Renda Fixa Duração Baixa Soberano
Observação:

Este fundo oferece opção de aplicação automática.
Não há carência para resgates com rendimentos.


A carteira do FUNDO é gerida e administrada pela BB Gestão de Recursos - Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. - BB DTVM.

Conheça a
BB DTVM

Confira aqui:

Notas
  • Leia o Formulário de Informações Complementares, a Lâmina de Informações Essenciais, se houver; e o regulamento antes de investir.
  • Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros.
  • As rentabilidades dos fundos de investimento divulgadas não são líquidas de impostos e, quando existente, de taxa de saída.
  • O investimento em Fundo não é garantido pelo Fundo Garantidor de Crédito.
  • Para avaliação da performance de um fundo de investimento é recomendável uma análise do período de, no mínimo, 12 (doze) meses.
  • Os documentos informe diário, balancete e perfil mensal do fundo estão disponíveis no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
  • Os Fundos de Investimento estão sujeitos aos principais riscos a seguir, sendo que o detalhamento encontra-se no Regulamento do Fundo:
    (i) Risco de Mercado: resultante da flutuação nos valores de mercado de instrumentos que compõem a carteira do fundo;
    (ii) Risco de Crédito: ocorrência associada aos emissores dos ativos financeiros e/ou das contrapartes não cumprirem suas obrigações de pagamento e/ou de liquidação das operações contratadas;
    (iii) Risco de Liquidez: dificuldade imediata de disponibilizar recursos para honrar o pagamento de resgates e/ou despesas, sem incorrer em perdas significativas na venda de ativos.

 

Central de Atendimento / SAC / Ouvidoria